Lygia e você

Lygia e você

Sabia de Lygia, mas nunca tinha brincado com ela. A arte subjetiva e organica proposta pela artista envolve e faz com que o visitante faça parte da obra. Obras tocáveis, no sentido mais tátil possivel e tocáveis quando falamos de sentimentos. Sentir e interpretar com a pele, os ouvidos, o olhar. Brincamos com os bichos, vestimos máscaras e roupas estranhas, encontramos beleza num saco plástico inflado com o nosso ar e que interage com uma pedra qualquer de um rio qualquer. E isso é Lygia, que se faz perto de você e te convida o tempo todo a fazer arte com ela. Que ve arte em simples coisas que acha alí, no dia a dia de todos.

Lygia and you

I knew about Lygia, but I had never played with her. The subjective and organic art proposed by the artist makes the visitors part of her work. Her work is touchable, in the most tactile sense, while touch us when it comes to feelings. To fell and to interpret using our skin, ears, eyes. We play with ‘bichos’, wear weird masks and clothes. Then we find beauty on a simple plastic bag inflated with our air which interact with some stone from any river. And this is Lygia, who is close to you, who invites you to make art with her. Who sees art on simple things she finds on people’s routine.

             

Diquinha : “Carta de Lygia Clark para Hélio Oiticica” – http://gaarq.blogspot.com.br/2012/08/carta-de-lygia-clark.html

Lygia Clark: uma retrospectiva – observe, interaja, participe da arte

Itau Cultural- Av. Paulista, 149

sábado 1 de setembro, a partir das 16h, a domingo 11 de novembro

terça a sexta 9h às 20h
sábado domingo feriado 11h às 20h

Postado por: Taícia

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *